"Leituras Improváveis" de Carlos Marques e Workshop "Livro de Artista" no Dia Mundial do Livro

Vai estar patente na Galeria Municipal do Entroncamento, de 16 a 28 de abril, a exposição “Leituras Improváveis” da autoria de Carlos Marques.
Esta exposição pretende, antes de mais, ser um veículo de difusão desta nova forma de expressão plástica, levando o público a refletir sobre os cânones estabelecidos e, por vezes, tão fragmentados do que se considera ser uma obra de arte.
É consensual considerar que o conceito “Livro de Artista” rompe com as fronteiras comummente atribuídas aos livros de leitura que se assumem como objetos de arte e de perceção, verdadeiras narrativas plásticas cuja interpretação flui através do rompimento com qualquer limitação no que se refere a materiais, jogo de escalas, suportes e espaços.


Para o artista Carlos Marques, desde cedo que a pintura tem sido um dos prazeres mais constantes da sua vida. Como autodidata procurou sempre a componente técnica de forma a melhorar a prática. Define-se por uma componente representativa, embora por vezes procure fugir à evidência. Nos últimos tempos tem procurado outras saídas e outras abordagens fruto de uma procura pessoal mas também de novos conhecimentos adquiridos na Sociedade Nacional de Belas Artes. A base da sua pintura tem sido o desenho, contudo ele tem servido também como forma independente para representar.

No âmbito da exposição, irá decorrer no dia 23 de abril, dia em que se comemora o Dia Mundial o Livro, um workshop intitulado “Livro de Artista” que terá lugar na Galeria Municipal. 
A exposição será inaugurada no sábado, dia 16 de abril, às 17h00 e poderá ser visitada de terça-feira a domingo, das 15h00 às 19h00.

O evento é organizado pela Câmara Municipal do Entroncamento, no âmbito do Projeto DEVIR 2016.

Sem comentários:

Enviar um comentário